Uma nova paixão

Seja bem-vindo, como disse na página Sobre este blog é um espaço para compartilhar experiências de tudo que gosto de fazer, por isso vou iniciá-lo falando sobre uma das minhas mais novas paixões, o Patchwork. Ok, ok… Nesse momento você deve estar pensando, lá vem mais uma fazer pano de prato com um monte de retalho. Nada contra a esse tipo de trabalho, valorizo muito todos os tipos de artesanatos, mas o patchwork que despertou a minha atenção foi a possibilidade de misturar cores, padrões e transformá-los em algo novo. Imagine só você pegar metros e metros de tecido, cortá-los em diversas formas geométricas, costurá-los um a um, com muito cuidado e fazer um painel cheio de vida e cor. Posso estar romantizando, mas o patchwork é transformar o caos dos retalhos em serenidade e perfeição.

Meu primeiro trabalho em patchwork, a minha gata aprovou!

Ainda estou aprendendo, mal consigo fazer um quilt (nos próximos post explico mais sobre esse termo) descente. Mas tem sido uma divertida aventura descobrir mais sobre tecidos, texturas, formas e, devo admitir, agora entendo quando meus professores de matemática e geometria falavam: “você ainda vai usar isso na sua vida”. Não imaginava, mas o patchwork tem origem no Egito; as roupas dos faraós eram feitas com a junção de diversos retalhos para criar as estampas. No decorrer da história, essa técnica se tornou uma ótima opção para épocas de escassez de dinheiro e matéria prima, pois nada melhor que reutilizar o tecido para fazer algo novo.

Um pouco do trabalho feito pela minha tia, um dia chego lá!

Atualmente o patchwork vai além do artesanato e se tornou arte, com a criação de painéis que são verdadeiras pinturas. No Brasil está crescendo e ganhando seu espaço, é possível aprendê-lo tanto com vídeos e cursos online, como em diversas escolas de artesanato. No meu caso, descobri a técnica graças a minha tia Estela, uma artista incrível de patchwork, que me ensina com muita paciência e dedicação tudo o que ela sabe fazer. Mas meu blog não se resumirá a apenas isso, continue acompanhando os próximos posts que mostrarei mais sobre o que gosto de fazer.

2 thoughts on “Uma nova paixão”

  1. Patchwork é uma arte sim… recortar e unir tecidos em estilos diferentes…
    É como a nossa vida, onde a escolha das cores, formatos, linhas e testuras determinam qual será a intensidade do trabalho final! Amei!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *